segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

QUAL O PERFIL IDEAL DE UM VENDEDOR PARA SUA ÓTICA?



Naturalmente que não sei e desafio quem saiba, contudo me aventuro a discorrer sobre o assunto por achar intrigante a forma como os empresários estão recrutando seus colaboradores.

Muitos dos que hoje trabalham em ótica, ou são velhos conhecidos viciados ou jovens promessas não qualificadas para a tarefa. Esta é a regra do jogo, afinal não existem escolas formadoras em número suficiente, para atender à demanda de um mercado em franco crescimento. Estima-se que o setor óptico crescerá 15% em 2013, porém fica a dúvida: será que a mão-de-obra existente sustentará este crescimento?

O empresário de ótica deveria ter experiência de garimpeiro ou mesmo de professor para preparar sua própria mão-de-obra, pois depender de treinamento externo ou habilidades inatas dos vendedores é uma temeridade.

Em minhas pesquisas e observações de campo, sempre atento ao comportamento dos vendedores quando estão atendendo, e confesso ficar atordoado com a sequência interminável de absurdos, desatenções e agressões aos preceitos elementares das técnicas de vendas. Neste mar de inconsistências muitas vendas se perdem, deixando o empresário à mercê do baixo faturamento.

Nesta última semana, em visita a uma ótica treinada em meus programas, testemunhei um exemplo de vendedor que me surpreendeu pela forma profissional e sequenciada como atendeu a cliente. Era uma vendedora afro-descendente, pouco dotada de apresentação pessoal, porém simpática e envolvente que conduzia àquela venda com maestria e segurança.

Observei seus movimentos e observei que todos eram coordenados e dirigidos para a efetivação da venda. Em momento algum, aquela vendedora permitiu a cliente pensar em desistir, apesar das preocupações demonstradas.

A vendedora iniciou o atendimento com um sorriso franco e um interesse real na sua cliente. Fez a pesquisa inicial para identificar as reais necessidades, e em seguida, antes de sair para pegar as armações, pediu à colega que servisse água e café à cliente, que ficaria sozinha naquele espaço de tempo. Sabe-se que uma mente isolada no ambiente de compras é um convite para desistência, pois todo tipo de pensamentos contrários às vendas acontecem.

A vendedora retornou e tomando a venda, continuou seu ataque de argumentos, porém sua cliente resistia aos argumentos, alegando que as armações apresentadas não haviam agradado muito. A vendedora atenta se levantou, perguntou para a cliente se poderia acompanhá-la, e esta, sem perceber, logo foi tomada pelas mãos e seguiu a vendedora em direção à vitrine. Lá chegando a vendedora retomou sua argumentação, informando que muito havia ali, que atenderia às exigências por maiores que fossem.

Depois desta ação, a cliente se viu envolvida e não conseguindo fugir ao cerco daquela vendedora experiente, cedeu aos argumentos entregando-lhe o cartão para realizar a compra.
Como é que se descobre uma vendedora desta? Será que é possível somente com treinamento e atributos inatos de uma pessoa, fazê-la uma vendedora de ótica? 

Claro que não bastam treinamento e atributos inatos. É preciso uma somatória de fatores diversos para forjar um verdadeiro profissional de vendas em ótica. A educação familiar, o desempenho nos estudos, a formação religiosa e a estabilidade emocional, são os principais fatores externos que concorrem para formar uma boa vendedora. Internamente o respeito dos empregadores, a remuneração justa e um ambiente de trabalho ético e saudável completam este círculo virtuoso.

Quem sabe disto avalia melhor e contrata os melhores do mercado. 

Boa sorte e boas Vendas!

4 comentários:

  1. ola nao queria dizer meu nome mas pode me chamar de flor trabalho em uma otica e nao tem preparo algun me sinto perdida gostaria sim ser uma excelente profissional na area pois adoro le dar com pessoas principalmente ouvilas gostaria sim de ser nao ter mais estrategias se tiverem dicas para me mandar.Estarei aguardando

    ResponderExcluir
  2. A so para lembrar a otica em questao nao da qualquer tipo de treinamento ou coisa parecida.

    ResponderExcluir
  3. e verdade as óticas que conheço não dão nenhuma assistência ao vendedor, a não ser umas apostilas e nenhuma explicação ,teria que ter um melhor preparo, para terem melhores resultados de vendas.

    ResponderExcluir
  4. Ja trabalhei em otica 2 meses e foi o suficiente pra eu amar esse ramo eles me davam treinamento pena q me mandaram pra outra loja mt distante eu sai . Mais gostaria tanto de fazer um curso de otica so nao sei onde tem .

    ResponderExcluir